Clima colabora para produção recorde de grãos

17/04/2017
Clima colabora para produção recorde de grãos

Chuva bem distribuída, emprego de tecnologia, aumento na área de plantio. Tudo isso colabora para o país colher mais uma grande safra de grãos, como mostram os dados de abril da Conab. A previsão é de que a produção recorde chegue a quase 228 milhões de toneladas, um aumento de pouco mais de 22% em relação à safra passada, e de 2,2% na comparação com o levantamento de março.

 A soja continua sendo o principal produto, com crescimento esperado de 15,4% na produção. Mas o milho teve o maior crescimento: mais de 37%. Nesta safra, o feijão também deve apresentar um bom desempenho, acima de 33%.

Um dos motivos para este recorde na safra total de grãos é o aumento de 3% na área plantada, alcançando mais de 60 milhões de hectares. Mas, segundo a Conab, as condições climáticas foram decisivas para esta safra histórica. Choveu no momento certo do plantio e isso ajudou no desenvolvimento dos grãos, aumentando a produtividade na maior parte do país.

A soja é a lavoura com maior produção na safra: mais de 110 milhões de toneladas. Depois vem o milho, com quase 91,5 milhões e, em terceiro, o arroz, com quase 12 milhões de toneladas.

 

Fonte: Globo Rural

Veja reportagem completa no site da Globo Rural


Busque no site

Curta nosso Facebook

Siga-nos no Instagram: @famasul

Siga-nos no Twitter: @famasulms

Aprosoja/MS 2016. Todos os direitos reservados