Para Aprosoja/MS, Porto de Concepción é alternativa para produtores de MS

22/02/2018
Para Aprosoja/MS, Porto de Concepción é alternativa para produtores de MS

Os produtores rurais sul-mato-grossenses têm uma nova opção de rota para facilitar o escoamento da produção de grãos: o porto de Concepción, no Paraguai. O terminal foi reinaugurado nessa terça-feira (20) e contou com a participação de representantes da Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja).

Segundo o presidente da Aprosoja/MS, Juliano Schmaedecke, a medida beneficiará o setor produtivo. “Os produtores de municípios que ficam em um raio de 200 quilômetros de Ponta Porã têm em Concepción mais uma alternativa de logística para a produção do estado. No entanto, não sabemos como fluirá a parte de alfândega na fronteira. Estes entraves não existem no terminal de Murtinho, que também atende os produtores em um raio de 200 quilômetros deste porto. Naquela região, produtores são beneficiados pela existência dessa alternativa, onde já se opera com plena capacidade”, detalha o presidente.

Segundo a Granos Corretora, o terminal de Porto Murtinho já está com capacidade de embarque tomada até o dia 15 de maio, com um volume de 155 mil toneladas de soja. “Isso aponta para a solidez dessa alternativa e ainda mostra a necessidade de investimentos do setor privado na modernização do porto de Murtinho para que ele possa operar maiores volumes. Em Concepción, o maior desafio é consolidar essa opção como rota viável, habituando compradores e produtores do sudoeste de Mato Grosso do Sul aos trâmites desse porto”, finaliza Schmaedecke.

“Como produtor de soja na cidade de Ponta Porã, acredito que essa alternativa é um grande passo e é interessante, considerando que, com certeza, em pouco tempo será muito utilizada”, considerou o diretor da Aprosoja/MS, Miguel Dorneles.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação – Aprosoja/MS, Liana Feitosa. 


Busque no site

Curta nosso Facebook

Siga-nos no Instagram: @aprosojams

Siga-nos no Twitter: @aprosojams

Aprosoja/MS 2016. Todos os direitos reservados