Equipe da Aprosoja/MS se reúne com o MAPA para aperfeiçoar o seguro rural

04/08/2020
Equipe da Aprosoja/MS se reúne com o MAPA para aperfeiçoar o seguro rural

Produção de grãos aciona quase 99% do seguro rural em MS

A equipe da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS), participou de reunião online com Pedro Loyola, Diretor do Departamento de Gestão de Riscos (DEGER), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), buscando informações sobre as políticas agrícolas do seguro rural voltadas ao agricultor sul-mato-grossense.

“O seguro rural é prioridade na política agrícola. É o mais importante instrumento de mitigação de riscos climáticos. A precificação do prêmio, taxa do seguro rural, exprime o risco da atividade, mas há um componente de volume de contratações, que se for muito baixo não contribui para o desenvolvimento de inovações e de melhores coberturas. O seguro rural mudou muito nos últimos quatro anos e o produtor precisa conhecer as novidades do mercado”, esclareceu Loyola, durante a reunião, que contou com a participação do presidente da Aprosoja/MS, André Dobashi.

O diretor do Mapa também deixou claro que o mercado de seguro rural só se desenvolve numa visão de longo prazo. “A decisão de o produtor contratar seguro não pode se basear no histórico de problemas de curto prazo. O produtor tem que olhar o custo-benefício de contribuir todo ano e naquele que tiver uma seca, chuva excessiva ou outra intempérie, receber uma indenização para manter um fluxo de caixa constante. Renegociar dívida ou ficar sem capital de giro e buscar crédito pode acarretar em um custo maior. O produtor dos Estados Unidos e Espanha já têm essa cultura, o Brasil vai chegar lá”, explica.

O MAPA tem realizado diversos projetos para promoção do seguro rural e para manter esse sistema sustentável, como o fomento da capacitação dos peritos e corretores, o Monitor do Seguro Rural, que visa debater com produtores e Seguradoras o aperfeiçoamento dos produtos e serviços do seguro, bem como mudanças nas regras de subvenção.

Dobashi enfatizou a representatividade da produção de grãos na demanda pelo seguro. “Dados de 2019 indicam que Mato Grosso do Sul recebeu R$ 45 milhões de recursos para subvenção do seguro rural, sendo que a cadeia de soja recebeu R$ 25,6 milhões e o milho segunda safra R$ 19 milhões, ou seja, praticamente 99% do volume de subvenção do seguro rural de Mato Grosso do Sul foi dirigido às cadeias de soja e milho. Isso demonstra a importância do tema para o produtor de grãos sul-mato-grossense”.

A iniciativa da reunião com o MAPA foi da diretoria executiva da Aprosoja/MS e visa um alinhamento de conhecimento da equipe da entidade quanto ao seguro rural, já que o tema gera dúvidas aos produtores. “Um dos motes da Associação é levar conhecimento ao produtor. E temos visto muitas dúvidas sobre o tema, porque o produto hoje é mal explicado ao produtor. Na reunião foram tiradas muitas dúvidas pela equipe, que agora se sente muito mais preparada para atender nossos associados. Além disso, foram estabelecidas ações conjuntas que entregarão mais serviços e produtos aos associados da Aprosoja/MS” explica Sérgio Marcon, primeiro diretor administrativo da Aprosoja/MS.

A Aprosoja/MS e o MAPA estabeleceram protocolos para orientação aos produtores, com a participação da entidade como apoiadora e promotora do Projeto Monitor do Seguro Rural, que irá ajudar na melhoria do seguro rural aos produtores de soja e milho de Mato Grosso do Sul, com reuniões agendadas para agosto de 2020.

Diego Silva/ Agro Agência


Busque no site

Curta nosso Facebook

Siga-nos no Instagram: @aprosojams

Siga-nos no Twitter: @aprosojams

Aprosoja/MS 2016. Todos os direitos reservados