Preço da soja: baixo volume de chuvas e maior demanda externa elevaram as cotações

12/12/2017
Preço da soja: baixo volume de chuvas e maior demanda externa elevaram as cotações

O baixo volume de chuvas no Sul do Brasil e na Argentina, que tem preocupado sojicultores e consumidores da soja, e a maior demanda internacional têm elevado o preço da soja no mercado doméstico. O Indicador da soja ESALQ/BM&FBovespa Paranaguá fechou a R$75,16 por saca de 60 quilos nessa sexta-feira (08/12), alta de 0,87% entre 1º e 8 de dezembro.

Preço da soja

O Indicador CEPEA/ESALQ Paraná, a elevação foi de 1,28% no preço da soja no mesmo período, fechando a R$ 71,04 por saca de 60 quilos na sexta. Quanto ao clima, há preocupações sobre a possibilidade de ocorrência do fenômeno La Niña, que pode refletir em baixa umidade no início de 2018 e afetar o desenvolvimento das lavouras semeadas mais tardiamente.

Em relação às exportações, em novembro, o Brasil exportou volume recorde de soja em grão para o mês. Foram 2,14 milhões de toneladas embarcadas no período, quase sete vezes a mais que o total em novembro de 2016 (316 mil toneladas), segundo a Secex.

Fonte: SFAGRO


Busque no site

Curta nosso Facebook

Siga-nos no Instagram: @aprosojams

Siga-nos no Twitter: @aprosojams

Aprosoja/MS 2016. Todos os direitos reservados