Soja cai antes do novo boletim do USDA

12/12/2017
Soja cai antes do novo boletim do USDA

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou nesta segunda-feira (11.12) baixa de 7,25 centavos de Dólar no contrato de Janeiro/18 (o mais negociado no momento), fechando em US$ 9,825 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com desvalorizações entre 6,50 e 7,50 pontos.

O mercado norte-americano da soja abriu a semana com mais perdas nas principais cotações dos futuros, pressionado por previsões do tempo indefinidas – e divergentes – para a Argentina. Houve ainda um movimento de de ajuste de posições antes da divulgação, prevista pra hoje (12.12), do novo relatório mensal de oferta e demanda do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos).

“As cotações aqui em Chicago hoje sofreram mais pressão com um aumento dos índices pluviométricos previstos para a Argentina na segunda metade de dezembro e o posicionamento frente o relatório mensal de Oferta e Demanda Mundial do USDA. A liquidação de contratos da soja é reflexo de um Mercado que reage e deverá continuar reagindo até começo de fevereiro, às eventuais variações climáticas. Neste período, gestores de fundos de investimento se tornam sensíveis ao cenário meteorológico que se desenvolve sobre a América do Sul e suas consequências para o desenvolvimento da safra na região”, afirma a Consultoria AgResource.

Os analistas da ARC apontam que, além disso, o mercado espera que no relatório do USDA eleve os estoques finais dos EUA, com o ritmo desacelerado das exportações do país: “Grandes operadores de commodities agrícolas estão se definindo como baixistas para os preços de futuros, apenas com alguma intempérie climática grave e generalizada para poder mudar tal mentalidade. O cenário na América do Sul ainda se mostra regular”.

Fonte: AGROLINK -Leonardo Gottems


Busque no site

Curta nosso Facebook

Siga-nos no Instagram: @aprosojams

Siga-nos no Twitter: @aprosojams

Aprosoja/MS 2016. Todos os direitos reservados